Notícias

Home Notícias

Confira as últimas novidades sobre a Kia Motors do Brasil no mundo automobilístico.;
ASSUNTO
DATA
Kia Motors bate recorde de vendas no Brasil
02/09/2009
Com a comercialização de 2.704 unidades no atacado - venda da importadora para a rede de concessionária -, Kia Motors estabelece recorde em seus 17 anos no País. Dados de emplacamento mostram, em agosto, crescimento de 9,54%. Os modelos Kia Soul e o Kia Cerato, recém-lançados no mercado brasileiro, auxiliaram a Kia Motors do Brasil a estabelecer novo recorde mensal de vendas no País, em seus 17 anos de atuação. Em agosto, as vendas no atacado alcançaram a marca de 2.704 unidades. De outra parte, o número de veículos emplacados da importadora em agosto registrou crescimento de 9,54% em relação ao mês anterior - foram 2.239 unidades emplacadas contra 2.044 em julho. Enquanto isso, o mercado apresentou queda de 9,53% no mesmo período. Segundo dados de emplacamentos divulgados pelo Registro Nacional de Veículos Automotores, o Renavan, apenas três dos 15 maiores players do mercado brasileiro apresentaram crescimento no mês de agosto, entre eles a Kia Motors do Brasil. A empresa esteve à frente da Suzuki (-3,04%), Ford (-7,38%), Volkswagen (-8,95%), Mercedes Benz (-9,40%), Fiat (-9,90%), General Motors (-9,99%), Renault (-12,30%), Hyundai (-13,16%), Citroën (-17,60%), Mitsubishi (-20,65%), Toyota (-21,30%) e Peugeot (-24,24%). Além da Kia Motors, Honda (17,67%) e Nissan (0,82%) mostraram taxas de crescimento. Entre os modelos da Kia Motors disponíveis no país, os seguintes tiveram número maior de emplacamentos: Soul (159,12%), Cerato (98,28%), Mohave gasolina (62,50%), Mohave diesel (57,14%), Bongo 4x4 (37,14%), Carens (29,92%), Opirus (21,43%), Sorento (11,02%) e Bongo 4x2 (3,17%). "O desempenho positivo foi a melhor resposta de que a Kia Motors do Brasil está no caminho correto, com produtos de qualidade que conquistaram o respeito do consumidor brasileiro. Se os primeiros lotes dos modelos Soul e Cerato tivessem tido mais unidades, nossa performance de vendas teria sido ainda melhor", argumenta José Luiz Gandini, presidente da importadora. A Kia Motors do Brasil prevê fechar o ano com 25 mil unidades comercializadas, 25% mais em relação a 2008.