Kia Sorento, mas pode chamar de “casa móvel”

Kia Sorento, mas pode chamar de “casa móvel”

Kia Sorento, mas pode chamar de “casa móvel”

Casal de Curitiba transforma Kia Sorento em abrigo durante expedição pela América do Sul

“O Kia Sorento virou nossa casa”. Quem lê a declaração do engenheiro Christian Lugarini pode imaginar que a afirmação beira o exagero ou, talvez, trata-se de uma maneira carinhosa de se referir ao veículo que o acompanhou por praticamente um mês - e 15 mil km pela América do Sul.

Não, não é força de expressão. A bordo do SUV, o curitibano e a esposa, a psicóloga Sheila Sampaio, viveram uma daquelas experiências inesquecíveis, cercados por alguns dos cenários mais inóspitos e paradisíacos do continente sul-americano.

Acostumado a viagens longas e experiências no melhor estilo “mochilão”, inclusive fora do Brasil, o casal decidiu celebrar os 18 anos de união de uma forma pra lá de especial: viajando! “A princípio, pensamos em ir para a Europa. Mas, como ficaria muito caro, optamos pela América do Sul”, conta Christian. “Como já conhecíamos a Argentina, decidimos ir um pouco mais longe. Então, nada melhor que ir até Ushuaia, o ‘Fim do Mundo’, para celebrar a maioridade do nosso relacionamento – e também meus 36 anos de idade”.

backgroundImageAlt
O mais incrível de tudo? Dos mais de 25 dias de viagem por cidades brasileiras, uruguaias, argentinas e chilenas, o casal dormiu apenas 3 noites em hospedagens tradicionais, como hostel e casa de amigos. No restante da expedição, realizada entre fevereiro e março de 2020, os aventureiros transformaram o Kia Sorento em, literalmente, uma “casa móvel”.

“Nós pesquisamos sobre barracas para instalar sobre o teto do carro, mas, por conta do frio, achamos que era melhor ‘montar nosso acampamento’ dentro do Sorento”, recorda Christian. “Providenciamos uma espécie de futon sob medida, improvisamos umas cortinas e, ao término do dia, rebatíamos os bancos para o SUV se transformar em uma grande cama. Era um verdadeiro motorhome”.

backgroundImageAlt

Grande companheiro

Muito antes de planejar a viagem mais longa que já realizou, no entanto, o casal já estava disposto a ter um carro maior, que oferecesse potência, conforto e muito espaço. Após quatro anos de procura, Christian e Sheila finalmente encontraram um modelo com todos os atributos desejados: o Kia Sorento. De lá pra cá, já foram 80 mil km rodados e muitas histórias a bordo do grande companheiro de quatro rodas.

Partindo de Curitiba, o casal seguiu rumo ao Chuí, famoso ponto no extremo sul do Brasil, para depois iniciar o trajeto internacional, que incluiu Uruguai e Argentina, passando por cidades como Punta Del Este, Colonia del Sacramento, Puerto Madryn e Punta Tombo, até chegar a Ushuaia.

Até atingirem a “Terra do Fogo”, como é conhecida a cidade mais ao sul do mundo, Christian e Sheila conheceram diferentes paisagens e, principalmente, muitas pessoas. “Nós saímos de casa com um plano flexível. Sempre conversávamos com a população nativa para pegar as melhores indicações dos locais para conhecer, então muita coisa foi sendo adicionada ao roteiro ao longo da viagem”, destaca o engenheiro.

backgroundImageAlt

Passaporte carimbado e mala cheia de memórias

Para o retorno ao Brasil, o caminho incluiu o Chile no roteiro, o que resultou ao casal 15 carimbos no passaporte ao longo da viagem. “Atravessamos fronteiras em diferentes pontos, passando por estradas muito contrastantes. A Carretera Austral, no Chile, por exemplo, possui trechos muito ruins. Um carro alto, potente, com controles de tração e controlador de velocidade, é fundamental para poder aproveitar tudo o que uma experiência como essa pode proporcionar”, enfatiza Christian.

Acostumados a receber muitas perguntas dos amigos e familiares sobre destinos e viagens, Christian e Sheila decidiram registrar a expedição pela América do Sul em seu blog, além de uma página no Instagram. “Somos entusiastas de experiências que abrem nossas cabeças e mostram que o mundo é gigante. Quanto mais as pessoas se libertarem e conhecerem novos lugares e culturas, melhor”, ressaltam. “Mal chegamos de viagem e já estamos pensando na próxima”.

backgroundImageAlt1 backgroundImageAlt2 backgroundImageAlt3 backgroundImageAlt4 backgroundImageAlt5