O que é direção defensiva e qual a sua importância?

- Você sabe o que é direção defensiva? Venha entender a importância desse jeito mais seguro de dirigir e conheça uma série de fatores para conduzir melhor. 

Você sabe o que é direção defensiva? Engana-se quem pensa que esse é um tipo de conhecimento restrito apenas aos motoristas profissionais. Na verdade, quanto mais gente souber o que é e como aplicar a direção defensiva na prática, melhor para o trânsito.

Isso significa que além de motoristas de ônibus, caminhão, táxi ou Uber, todas as pessoas podem contribuir com o trânsito. Afinal, quanto mais gente dirigindo de forma correta e segura, melhor.

Isso porque toda e qualquer pessoa ao conduzir um veículo está exposta à possibilidade de vivenciar algum tipo de situação crítica. Esse tipo de emergência pode acontecer com qualquer um. 

Então, continue lendo para entender o que é direção defensiva e qual a sua importância.

Mas, afinal, o que é direção defensiva?

O que se chama de direção defensiva é um conjunto de práticas e princípios para melhorar a segurança no trânsito. Há quem diga que se todos seguissem esses princípios, os acidentes iriam diminuir para menos da metade. Sobrariam apenas casos de falhas mecânicas ou problemas na pista.

Muita gente acha que dirige bem, mas na verdade não segue todas as práticas de direção defensiva. Acompanhe a lista a seguir e confira como você pode fazer sua parte por um trânsito melhor.

backgroundImageAlt
- Quanto mais gente souber o que é e como aplicar a direção defensiva na prática, melhor para o trânsito

Pontos importantes da direção defensiva

Conheça agora os principais fatores influenciadores da direção defensiva:

Revisão
Fazer revisão periódica no seu veículo é um excelente jeito de começar a dirigir defensivamente. Se o seu carro funciona bem, você provavelmente tem em mãos o que precisa para dirigir adequadamente.

Conheça seu veículo
Preste atenção no seu veículo sempre que dirigir. Dessa forma você conhecerá melhor o seu próprio carro e poderá reconhecer quando tiver algo de errado. Independente de ser um barulho, dificuldade de frear ou instabilidade em curvas, tudo pode ser percebido com atenção.

Itens de segurança
Conferir os itens de segurança é fundamental. Quem dirige uma moto, precisa de capacete, assim como quem dirige um carro precisa de cinto de segurança. Se tiver com uma criança no carro, precisa de uma cadeirinha bem fixada. Usar todos os itens de segurança é um jeito de diminuir a gravidade dos acidentes.

Seguir as leis de trânsito
É de extrema importância que as leis de trânsito sejam seguidas. Nenhuma lei ou placa de trânsito é determinada sem que exista algum tipo de estudo. Mesmo que você não entenda, acredite, existe um motivo para justificar as sinalizações. Então cumpra com o código de trânsito e com toda a sinalização do seu caminho.

Cuidado com as circunstâncias
Vai dirigir por estradas que não conhece? Tem obras na pista? Está enfrentando neblina ou chuva forte? Tudo isso pode influenciar na qualidade e na segurança da sua viagem. Se encontrar alguma situação adversa, tome mais cuidado.

Condições do motorista
Se você estiver sentindo muito sono evite dirigir. Peça para outra pessoa guiar o carro ou então tente adiar a viagem para depois que você tiver descansado. Condições de saúde como dores no corpo, cãibras ou qualquer tipo de mal estar também podem ser perigosas.

Além disso, não dirija se tiver consumido alguma substância que altere suas percepções ou seus reflexos. Por mais que pareça óbvio, muita gente desrespeita essa orientação e coloca muitas vidas em risco.

Comportamento enquanto dirige
As atitudes dos motoristas também são fundamentais para determinar a segurança no trânsito. Ajuste os espelhos, ligue os faróis, dê a seta quando necessário e faça tudo com cuidado. Manter a distância certa entre os veículos também ajuda. Afinal, quanto mais longe você estiver do carro da frente, mais tempo você terá para reagir.

Menos competição, mais gentileza
Você já deve ter visto motoristas disputando por situações corriqueiras e desnecessárias no trânsito. Pouco importa quem chega primeiro na sinaleira ou na próxima esquina.

O contrário disso é que pode ser bom para o trânsito. Ofereça espaço quando perceber que alguém precisa entrar e se alguém tentar competir com você, deixe “ganhar”. Quem ganha, de verdade, é todo o trânsito com mais segurança.

Celular
Outra orientação que parece óbvia mas uma quantidade enorme de pessoas desrespeita: o uso do celular. O celular já vem sendo considerado como um dos grandes vilões do trânsito. 

Tente conferir as mensagens e notificações antes de começar a dirigir. Depois, quando estiver estacionado, você pode olhar o celular novamente.
Afinal, você não vai querer que aquela olhadinha rápida na tela do celular seja a sua última, não é?

Atenção e previsão
A atenção e a previsão são dois dos fatores mais importantes da direção defensiva. É fundamental que o motorista esteja atento o tempo inteiro. Quando se presta atenção em tudo ao redor, a chance de se evitar um acidente é muito maior. Isso acontece porque você percebe o que está prestes a acontecer. Ou seja, a atenção ajuda a construir a previsão.

Animais vindo de fora da pista, pedestres desatentos, ciclistas desviando de buracos e um veículo desgovernado são alguns exemplos. Quem dirige com atenção total consegue antever situações e reduzir a velocidade ou trocar de faixa a tempo.

Por isso é importante dirigir com consciência e foco total na direção, como se sua vida dependesse disso. Porque pode ser que realmente dependa.

backgroundImageAlt
- A câmera de ré é um dos itens de segurança presentes no Kia Cerato 2.0 que te auxiliam a ter uma direção defensiva

Entendeu o que é direção defensiva?

Esperamos que você tenha entendido o que é direção defensiva. 
Mostre que você se preocupa e compartilhe esse artigo com seus amigos que dirigem!